GESTÃO

Quanto cobrar pelas minhas receitas? Explicação Completa

Quanto cobrar pelas minhas receitas? Como cobrar um preço justo sem ser careiro demais nem barato demais e ficar sem lucro?

Essa dúvida passa na cabeça de confeiteiras principalmente das iniciantes, embora tem bastante gente experiente que ainda leva prejuízo por não saber como colocar preço em seus produtos.

Todo mundo sabe que parte mais importante de qualquer trabalho é definir o preço, do seu trabalho e dos produtos que qualquer profissional oferece, só assim pra conseguir vender e se estabelecer no mercado.

Resultado de imagem para confeitando

Pra quem vive de confeitaria, sabe que este é um grande dilema afinal você não pode vende algo muito caro porque ninguém compra e nem tão barato, senão não compensa. Se você é iniciante a confusão fica pior, porque você fica naquela indecisão de cobrar mais barato pra atrair mais gente ou não sabe o que precisa levar em conta antes de cobrar pelo seu serviço.

Aí vem a pergunta que não quer calar:

Como Cobrar pelas Minhas Receitas?

Há quem diga que é só multiplicar o gasto dos ingredientes por  2 ou por 3, mas será que vale a pena?

 

É quase impossível estabelecer uma fórmula específica ou se basear só no custo da receita, afinal a gente sabe que tem muitos aspectos e riscos envolvidos.

Listei aqui 6 fatores que você precisa levar em conta ANTES de estipular um preço pelo seu produto, lembrando que isso vale pra qualquer tipo de receita:

  • A região que você mora e trabalha;
  • O tipo de clientela (encomenda simples ou mais “exigente”);
  • A mão de obra especializada: inclui os cursos e especializações que você fez e horas que passou assistindo vídeos e enriquecendo seu aprendizado;
  • Nem sempre transporte é só gasolina, ainda mais se for um bolo grande, exige caixa especial e todo cuidado para entregar, sem contar no risco de algum acidente com o bolo;
  • O tempo e grau de dificuldade para confeitar o bolo;
  • Cada bolo é de um jeito, portanto as formas são diferentes e o preço das embalagens também;

Uma boa dica pra ajudar você a decidir por quanto vai cobrar o bolo:

  • PESQUISA: Conheça a média de preço da galera confeiteira da sua região, isso já te ajuda a ter uma noção de por quanto pode vender os seus trabalhos.
  • CONHECIMENTO: Aprender a administrar o seu negócio é tão importante quanto as receitas. Invista em cursos que ensinem técnicas não só de confeitaria, mas também de vendas.
  • ANOTE OS GASTOS: Eu sei que as vezes é um pouco cansativo, mas é FUNDAMENTAL registrar todos os gastos que você tem com cada ingrediente, embalagens e outras ferramentas, se não fizer isso, fica IMPOSSÍVEL  de avaliar por quanto cobrar o bolo, além de jogar dinheiro no ralo.

Agora com esses fatores em mente, podemos ir direto ao ponto…

 

Quanto cobrar pelas minhas receitas?

 

Para definir quanto cobrar pelas minhas receitas, é possível sim multiplicar o custo da receita por 3, principalmente se o seu doce é simples e não te demandou muito tempo, voce também pode multiplicar por 3 se a média de preços do que você está vendendo é mais em conta, mas sinceramente não é a mais ideal.

Porém a forma mais justa de quanto cobrar pelas suas receitas é multiplicando por 4, eu preparei este quadro pra você entender melhor porque:

quanto cobrar pelas minhas receitas

 

Um dos grandes erros é achar que o seu conhecimento, seu tempo e mão obra não devem ser cobrados, muito pelo contrário!

 

Tenha uma ficha Técnica

Ter uma ficha técnica é ideal para saber calcular o gasto proporcional de uma receita, sem a ficha técnica fica impossível saber quanto cobrar por suas receitas.

Organize

Tudo o que entra e sai da sua confeitaria, precisa ser registrado, nada pode passar despercebido, por isso sempre verifique seu estoque e as últimas compras, crie planilhas para controlar as vendas, entregas e o seu estoque e principalmente seu orçamento.

Artigos relacionados:

Se tiver mais dúvidas sobre o assunto este artigo pode ajudar, onde eu falo sobre um Guia que toda Confeiteira Iniciante precisa ter.

Ou também se inscreva no meu canal no Youtube e assista este vídeo, onde eu dou dicas de como montar uma confeitaria em casa com pouco dinheiro.

 

Lembre-se que mais que uma confeiteira, você é uma empreendedora, dona do seu negócio e aprender quanto cobrar pelas minhas receitas é sua  é fundamental para o seu sucesso.